terça-feira, 6 de maio de 2008


“Não a conheço o suficiente para elogiar suas melhores qualidades...”
Só que quando temos amigos a nossa volta, esses são capazes de olhar os problemas de fora e tirar conclusões, às vezes acertamos, outras não. Problemas que em você tornam-se ocultos, particulares, tão ociosos às vezes, que nem transparecem.
Porém quando a vi com os olhos (que em minha opinião são suas “janelas”, e eles dão de cara para um jardim) sem o brilho de sempre, sem a doçura singela que faz parte do seu jeito, é inevitável, seus olhos parecem falar por você, eles sem dúvida diziam na sua palidez, que você não estava bem.
“Passei a noite inteira sem dormir...”
Quando observo um jardim bem cuidado, é muito fácil perceber que as folhas, as flores e a própria grama, tem cores vivas, tem uma aparência alegre, confortante, tranqüila, coisa que um jardim mal cuidado não tem. E para que um jardim seja sempre vivo, bonito, enfim o melhor possível, ele depende de um bom tratamento, de um cuidado especial para adubar a terra, regar todos os dias cada canto do jardim, e acima de tudo gostar do que faz, pois tudo com um pouco de amor verdadeiro que seja, se torna muito melhor.
E funciona da mesma forma com a gente, e em especial com você. Temos uma enorme variedade de flores, e espécimes que precisam de um tratamento especial para que sejam sempre saudáveis. Existe um espécime mais frágil, e ao mesmo tempo simples e complicado de ser cultivado, espécime chamado AMOR, esse, destaca-se por ter uma enorme sede de carinho, sorriso, alegria, abraços, um aperto de mão, de ajuda nas horas mais difíceis, de sermões que ajeite suas ”folhas desorganizadas”, de frases que o tornem maior a cada dia, de gestos encantadores, de gestos singelos e grandiosos, enfim, ele não vive sem o principal, não se desenvolve mesmo tendo todos esses cuidados essenciais e básicos, ele não sobreviveria em hipótese alguma, se não fosse a presença imprescindível do RESPEITO que sempre sustentará os jardins de todo mundo, inclusive no seu, tornando-o sempre belo por ter essa “planta rara” bem cuidada.
“Claro, são só palavras...”
É a minha vontade de te ver feliz, de alguma forma reestruturar seu sorriso, conseqüentemente seu olhar cansado da noite sem dormir...
Enfim, só quero dizer que você fica bem melhor sorrindo, feliz, procure de verdade no fundo do seu coração a solução mais cabível a situação, não se prenda a paradigmas.
E quando precisar de um amigo pode contar comigo, ou tenho certeza, seus(a) outras grandes(a) amigos(a).
Beijo Lê.

2 comentários:

Vinicius disse...

brigada rafa...
mtmtmtmt lindu td q vc escreveu!

q papai du ceu preserv issu em vc:
essa capacidade d olhar para as pessoas, saber td o q elas taum sentindu e fala td q elas taum qrendu ouvi!
issu e um dom viu?!!
mtmtmtmtmtmt lindu

bju

Ariana disse...

Amei Rafa! :D